Projeto para uso de fosfoetanolamina é aprovado

Pílula do câncer

O Projeto de Lei da Câmara 3/2016, de autoria de Laura Carneiro em parceria com outros parlamentares, que autoriza pacientes com câncer a usarem a fosfoetanolamina sintética antes de seu registro na Anvisa, foi aprovado no Plenário do Senado Federal. Como já havia sido aprovado na Comissão de Assuntos Sociais, o PLC segue agora para a sanção presidencial. O projeto permite que a Pílula do Câncer seja produzida, importada e prescrita antes mesmo do registro sanitário em caráter excepcional, ajudando, assim, a salvar milhares de vidas.

Compartilhe

TwitterFacebookGoogle+Pin It

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *